50 Tons de Cinza - O Filme

22 Comments
Olá amoras!
Bem.............. eu não fui ver 50 Tons, ainda, mas a Fer, minha amiga linda, foi e me permitiu postar suas impressões sobre o filme.
Se eu vou assistir o filme? Mas é clarooooooooooooooo. Se eu li o livro, mas é óbviooooooooooo, e amei a trilogia. Por favor, meninas, é uma obra de ficção, tanto livro quanto o filme. O estilo existe? Sim. Ele aumenta o índice de violência doméstica? Ao meu ver, não. Acabei de ler um artigo onde uma psiquiatra expõe seu ponto de vista, e eu discordo quando ela diz que uma mulher saudável não aceita a dor, mas isso é um ponto de vista meu, porque o que um casal faz entre quatro paredes não é da alçada de ninguém, é um assunto intimo e ponto final. O que E.L.James fez foi trazer para a literatura de livraria o que as mulheres já lêem há anos nos chamados Romances de Banca. 
imagem
Eu não vou entrar em questões que todos estão abordando: a submissão; a violência que todos estão discutindo, porque não é da minha alçada isso. Isso é apenas a visão minha, Amoras com Pimenta, que tem uma amiga 'mara' que viu o filme, e gentilmente me permitiu colocar suas impressões sobre o filme e que tem uma maneira muito própria de ver as coisas.. Quem for ver o filme, por favor não me venham querer sair de lá a procura de um Sr. Grey, se achando a Anastasia da vida de alguém. E, por favor, não venham me dizer que defendo a violência sem antes me conhecer. Eu só acho, e isso é  achismo meu, que se uma pessoa não sabe diferenciar ficção e vida real, o problema esta na pessoa e não em quem escreveu o livro e em quem adaptou o filme. 
E já que estou falando dos meus achismo, sabem o que achei um absurdo sem cabimento? Foi associar 50 Tons as princesas da Disney. Achei de um mal gosto sem tamanho e uma ideia muito infeliz fazer os desenhos. As princesas permeiam a ilusão das crianças, e definitivamente elas não precisam ser exposta ao livro. Por causa da 'violência'? Não. Porque, para mim que sou mãe, sexo ainda continua sendo uma assunto de adulto, seja ele como for praticado, e criança não dever ser exposto a ele de maneira nenhuma.



imagem


SOBRE 50 TONS DE CINZA : Vi tantos comentários que fui ao cinema com medo de me decepcionar, mas é muito do gosto de cada um, sinceramente eu adorei ...
O filme ficou fiel ao livro, sabe todas aquelas cenas que você fica falando que tem que ter ? Pois é teve .... O filme tirou e muito a chatice da Ana que vemos nos livros , aquela indecisão sabe ? Que irritava ....A Ana ficou engraçada, mais decidida, e muito mais adorável, com um quê de comédia romântica, assim como no livro. 
O filme não e´sobre BDSM , é sobre duas pessoas que tentam se acertar como um casal, com um gosto meio diferente como ponto de discórdia, para quem está acostumado a ler romances , você vai achar ele um romance erótico com algo de florzinha, não me decepcionou ... 
imagem

Vi todas as expressões de Grey no ator , as cenas hot comovem !! Outra coisa muito legal foi o fato de entender melhor o chilique da Ana com o castigo , o filme passou isso como uma consequência de todas as dúvidas. Ela vinha cozinhando em banho maria, e aí provou um ponto...
 Se você não leu os livros pode achar chato, não vai saber o significado por trás de cada olhar dele, por que nos livros temos a narrativa de seus pensamentos , mas dá pra sacar .......
 A cena final arrasou ! E se vc está curioso pelo filme só por conta da grande propaganda BDSM , vai ler sobre o estilo de vida antes de criticar o que ocorre no filme .


imagem
Fer, amada, muito obrigado por me permitir postar suas impressões.
Então pessoal, é isso. Me desculpem se passei um tom agressivo ou brabo sobre os meus achismos. Mas eu não concordo com isso de julgarem outros ou outrem, poque  "Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é..." (Caetano Veloso). A gente tem só uma vida para ser feliz, e se cada um vive a sua felicidade a sua maneira, quem somos nós com todos nossos defeitos ( e também as qualidades) para julgar o que o outro acha melhor para si? 
Namaste"



You may also like

22 comentários:

  1. Sinceramente eu não tenho o que falar do filme, eu li o primeiro livro e achei meio "bored" não curto essa coisa de BDSM, mas já li sobre e o que tem em 50 tons de cinza passa meio longe disso, não sei como é nos próximos livros. Ele deixou mais romantizado e tals. Bom, ele foi inspirado em Crepúsculo né, haha.
    Mas ainda assim, quero assistir, porque essa sou eu xD
    Beijos | Pretty Things

    ResponderExcluir
  2. Sua resenha sobre o filme me fizeram refletir melhor sobre o filme, realmente há de se saber separar as coisas, oque é ficção e o que é realidade, cada um deve viver segundo o desejo de seu coração, sem se importar com oque os outros vão pensar ou dizer.aguardo as próximas postagens bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá, querida!
    Não tive paciência para o livro, mas para poder dar uma opinião, preciso ver o filme. Vejo as polêmicas em torno dele e fico muito feliz que hoje tenha a liberdade de expressão de se questionar as coisas, problematizar... Pensar sobre ficção e realidade. No entanto, fico afastada das discussões, pois como disse, não vi o filme e não tive paciência para o livro.
    Seu texto ficou bacana e eu o respeito muito, pena não poder interagir melhor por não ter visto ao filme.

    ResponderExcluir
  4. bem, eu detesto essa trilogia, li uma parte do primeiro livro e nem cheguei a terminar. Então, não sinto interesse nenhum em ir assistir o filme. xD
    mas enfim, cada qual com seu gosto... u.u

    ResponderExcluir
  5. Oi Eikler,
    Esse é um filme que eu não pretendo assisti.
    Um porque não concordo com as colocações da autora, outro porque não curti os livros e mais um por detestar fanfics.
    Não é a minha.
    ♫ Conversas de Alcova ♫

    ResponderExcluir
  6. Oi Flor!
    Concordo com você. Eu vi o artigo e apesar de não gostar do gênero erótico como um todo (porque sou mais reservado sabe, e até nas leituras, certos detalhes acho que são desnecessário) tenho achado absurdo a polemica com um filme que nem apresenta tudo isso. Se a gente for avaliar industrias, o erotismo ta na literatura a décadas. Quer dizer, Machado, Alvaro e tantos outros autores já mostravam relacionamento sexual entre um casal, e isso nunca foi motivo de espanto. O fato da James trazer o sadomasoquismo é que foi o diferencial. Mas como você bem colocou, isso é da privacidade de cada um. E não acredito nessa das reportagens que veem passando na tv citando que as pessoas tão sendo influenciadas. Ao meu ponto de vista é apenas safadeza dessa sociedade reprimida quer sempre está incluida em algum barraco.
    Não vejo lá grandes coisas no romance em si, e tambem, pelo pouco que vi nas resenhas, não gostei do Christian, mas ai é uma opinião pessoa. A minha questão principal é com o gênero :D As mulheres, eu só digo que defendam sempre seu feminismo. E não se deixem submissas. Vcs tem vozes e merecem ser ouvidas... Sempre :D

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Eu não tenho muito o que falar. Não li a trilogia e nem assisti ao filme, mas percebi que a adaptação está fazendo muito sucesso nos cinemas. Mais de 3 milhões de pessoas já assistiram, então presumo que não seja tão ruim quanto era esperado. Sinceramente, não sei se um dia conhecerei a história de Grey e Ana. É que não curto muito esse tipo de gênero mesmo, mais apimentado.

    Beijo,
    João Victor - Amigo do Livro
    http://amigodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Waaaaa, cada opinião que leio sobre o filme faz aumentar meu desejo por assisti-lo. Eu decidi aguardar seu lançamento em DVD, mas confesso que não esperava tantos elogios! Pena que até agora não tive tempo para me organizar e ir ao cinema. :O Mas pretendo! E levarei meu marido junto, porque ao que parece é um romance sensual, e não vulgar.

    Adorei as impressões da sua amiga Fernanda, flor. E espero que você possa ter as suas próprias em breve. ;)

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oiee,
    Assistir o filme no dia da estreia e confesso que foi melhor do esperava.
    Comecei a ler o livro, mas não gostei e desisti depois da página 20 hehehe
    Confesso que faço parte do grupo que considera este tipo de filme uma apologia a violência, mas como você disse, caberá a cada um saber diferenciar a realidade da ficção.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Oiee ^^
    Ainda não li o livro, mas agora que vi a opinião de muitos blogueiros e amigos que AMARAM o filme, fiquei mega curiosa para conhecer melhor essa história. Espero conseguir ler todos os livros até o lançamento do segundo filme.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Tô cansando de 50 Tons rsrs. Vamos lá... Não li pq não é um estilo que não gosto muito e talvez eu assista. No passado li muitos romances de banca (li até enjoar rs) e quando ouvi falar de 50 Tons não vi novidade nenhuma e por isso me questiono do sucesso estrondoso do livro, será que o povo nunca comprou/leu um romance de banca??? Me pareceu tão clichê. Quando ao artigo eu também li, e concordei com algumas coisas que li, e vamos confessar... tem gente doida pra tudo nesse mundo, li algumas matérias (não sei se são verdade mesmo) de algumas pessoas que se machucaram tentando copiar algumas coisas do livro, outros que foram no cinema e protagonizaram cenas indiscretas e por aí vai. Infelizmente muita gente não sabe diferenciar as coisas. Fico feliz que a maioria dos leitores gostou do filme pq eu nunca gosto de verdade das adaptações. Quando as princesas da Disney também não gostei.

    Bjs flor
    Jéssica - Coração Leitor

    ResponderExcluir
  12. Oiii... assisti o filme sim e li o livro... achei o filme bem fiel ao livro, a interpretação dos atores dispensa comentarios, mas não sei... eu sai do cinema com aquela sensação de que faltava algo mais sabe?

    beijos
    http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Minha opinião só difere da sua em um ponto:você leu e gostou e só tive paciência pra ler o primeiro e detestei, nem por causa das praticas nem nada, mais pela construção da personalidade dos personagens, não gosto do jeito sonso da menina nem do dramalhão do rapaz.Do resto concordo com você dizer que ver um filme estimula a violência acho que é menosprezar a capacidade intelectual de quem vai ver o filme ou ler o livro.

    BEIJOSSsss...

    http://sonhosdeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Como já dizia minha avó: antes safada do que tapada...rsrs
    Bom, falei isso porque adoro a trilogia e não tenho vergonha de falar, adoro o gênero erótico em todas as suas nuances, que seja ela saída de uma fanfic de Crepúsculo, não me importo, que seja Os contos do Marques de Sade ou os livros loucos de Anaïs Nin, eu amo o tipo de literatura que me motiva a ser mais mulher comigo mesma e também para o meu parceiro. Pois nem ontem e nem hoje ninguém merece mulher frouxa e mal comida.
    Perdão se me expresso de forma grosseria, mas é meu jeito.
    Quanto ao filme, fui ver, levei meu marido e adoramos, ele menos que eu...rsrs
    Adorei a Dakota como Ana e o Jamie Dornan estava perfeito, esperando ansiosa pelo segundo filme.
    Adorei também foi seus achismos, assim conheci um pouco mais sobre você e seu jeito de ser. Legal isso!
    Beijocas
    Vivi

    ResponderExcluir
  15. Nossa , eu li os livros todos , e quero muito ver o filme ,eu ainda não tive tempo para ir no cinema ver , mais quero muito ver !

    ResponderExcluir
  16. Li os livros, e pelo conteudo deles não me empolguei para ver o filme, sei que na adaptação a linguagem muda (e a usada pela autora nao me agradou_, qm sabe ando sair em video ou na tv ;)

    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  17. Mais uma opinião a favor do filme, ainda não assisti mas tenho lido muitos elogios a adaptação, gostei que tiraram a parte da Deusa Interior e ciúmes excessivo do Grey. quero assistir logo e tirar minhas impressões. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  18. Não vi o filme e nem verei, tentei ler o livro e desisti pois achei um lixo (não me julguem) cada um tem seu gosto e tal, mas essa história para mim não passa de uma Emmanuelle dos tempos atuais.

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  19. Sinceramente? O gosto do Gray é peculiar... mas não chega aos pés do BSDM, não sou uma expert nesse assunto... mas tive a infelicidade de ler um livro que o tema principal é esse e te falo que não chega aos pés... eu não gostei muito do filme... achei a atriz que fez a Ana bem sem graça e amei a interpretação do ator que fez o Gray, mas não senti química entre eles... teve sim várias cenas do livro, mas eles poderiam ter colocado outras mais importantes... eu amei o final... e sinceramente achei o filme morno... claro que não esperava nada erótico demais... achei as cenas bem feitas e precisa de muita psicologia para realizá-las. No mais o filme ficou bom, nem ruim e nem ótimo... Xero!

    ResponderExcluir
  20. Eu li a trilogia e assistir ao filme. Gosto muito da história e achei o filme muito bom. Achei mara eles respeitarem os detalhes, como a xícara de chá que ela toma ao invés de café, e quando eles brindam com xícaras porque ela não tem taça...enfim... o filme foi feito para os fãs da trilogia e quem leu tem curtido muito o filme! Essa coisa toda de julgarem e falarem mau, vemos que é por maioria que não leu o livro e não sabe bem do que se trata. Inclusive não sabem como funciona BDSM. Quem não conhece algo tende a ter um pré julgamento errôneo sobre o assunto e tenho visto que é o caso de Cinquenta Tons. Até porque quem lê o segundo e terceiro livro vê que a história não continua tão focada nessa prática, pois acontecem tantas outras coisas... Mas enfim, sem spoilers! Rsrsrsrs... Eu gostei de verdade do filme e não vejo a hora de gravarem logo o segundo!

    Beijinhos!
    www.citacaonumclick.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oii!

    Parabéns pela resenha!
    Ainda não li os livros e nem vi o filme, mas fiquei curiosa.Pois muita gente diz que a história em si é muito boa!

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Eu gostei bastante do filme. Achei a adaptação bem parecida com o livro.
    O que eu não gostei foi da atuação do Jamie. Achei ele muito travado nas cenas, parecia que estava com vergonha de fazer. Só no final pra mim que melhorou.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir